Movimento Ordem e Progresso
                    

Quem somos

O MOP é um movimento de direita, agregamos valores conservadores e liberais (sentido europeu).


Entendemos que a sociedade ocidental tem na cultura judaico-cristã os seus valores mais caros, que alicerçam toda a nossa moral e costumes, é o nosso berço.    E neste berço, temos uma história de alguns milênios, onde todo o nosso arcabouço jurídico-legislativo deve abarcar, respeitar e conservar estes valores enraizados.


Por acreditar profundamente nos valores judaico-cristãos, rejeitamos de forma veemente toda e qualquer tentativa de engenharia social que procure criar artificialmente valores que não são os da sociedade brasileira. Neste ponto, infelizmente, nos últimos anos, todo ocidente e, em especial, a nossa pátria, tem sido alvo constante de ataques vis, de forma que os nossos valores conservadores têm sido reportados de maneira pejorativa, como sendo ultrapassados.

 

Acreditamos em Deus e não nos envergonhamos de crer num Deus Todo-Poderoso. A Constituição Federal de 1988, mesmo tendo um viés esquerdista, repita-se, mesmo ela, em seu preâmbulo, invoca a proteção de Deus quando diz: “... promulgamos, sob a proteção de Deus, a seguinte CONSTITUIÇÃO...”. Vale dizer, o Estado Brasileiro não é um Estado ateu, apesar de ser laico, podendo qualquer de seus cidadãos praticar a religião que bem entender, ou mesmo não praticar nenhuma.

 

Somos patriotas, amamos nosso país e, por isso mesmo, não ficaremos inertes, observando o país ruir por conta de projetos de poder totalitários, corruptos, socialistas, comunistas ou coisa que o valha.

 

Temos na família toda a nossa construção como pessoas. A família é a engrenagem principal de uma estrutura que mantém nossos valores judaico-cristãos. Na família, tudo, fora dela, nada. Sabedores disto, entendemos que não se pode transigir na defesa da família. Se ela cair, toda a nação irá a ruína.

 

Assim, para o MOP, Deus, Pátria e Família são valores inegociáveis que merecem de nossa parte toda a defesa possível. E mais. Também por constatar que esse tripé tem sido atacado por hordas radicais ideológicas, com o intuito de desagregar a sociedade brasileira, tornando-a mais fácil de ser conquistada, é que o MOP se levanta para combater o bom combate e fará jus ao que já cantaram milhões de brasileiros: “...verás que um filho teu não foge a luta, nem teme, quem te adora, a própria morte...”.

 

Abrigamos também valores liberais. O próprio criador de todas as coisas não impõe pela força a sua vontade. Antes, alerta, avisa que ao final desta existência haverá cobranças e cada um receberá o que plantou. Ora, a partir daí, por princípios de nossa cultura judaico-cristã, entendemos que a liberdade de escolha não vem solitária, sozinha, ela agrega uma inerente responsabilidade pelo resultado da escolha que se faz. 

 

Assim, cada indivíduo é livre para escolher, mas é responsável por cada ato que pratica. Para se ter uma pequena noção do quanto nefasto é pensar diferente disso, a esquerda tem pregado que o homem é fruto do meio, que criminosos são criminosos porque não tiveram oportunidade. Ora, dentro desta pregação comunista, o que temos é um incentivo a criminalidade, a falta de punição adequada, a defesa de “direitos humanos” para criminosos em detrimento das vítimas, enfim, temos toda uma retórica que deságua numa inversão de valores que só degenera a nossa já cambaleada nação brasileira.

 

Somos frutos de muitos séculos de uma cultura judaico-cristã, que, diga-se de passagem, é atacada todos os dias.    

 

O MOP não surge para fazer o mais do mesmo.  Não estamos presos às amarras do “politicamente correto”.  Somos livres e defenderemos nossos valores.    

 

Por princípios judaico-cristãos, repetiremos à exaustão, nossa palavra é e será sempre uma só. O nosso sim é sim e o nosso não é não. O MOP nasce com posições claras e definidas, aqui não habita o duplo sentido, aqui não tergiversamos, aqui não há lugar para a covardia.

 

    Somos, sim, conservadores.   
    Possuímos, sim, valores liberais.   
    Somos patriotas, amamos nosso país.
    Temos o Brasil acima de tudo e Deus acima de todos.
    Valorizamos a família, rejeitamos qualquer ataque a ela.
    Eis o MOP, eis o que somos.

© 2023 por Roberto Neto. Orgulhosamente criado com Wix.com